Cuiabá corrige salário mínimo e aposentadoria de servidores inativos

Foto: Divulgação

Capital vive situação financeira bem diferente do Estado

TARLEY CARVALHO

Da Redação

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) oficializou o valor do salário mínimo, aposentadoria e pensão pagas a servidores dos Poderes Executivo e Legislativo. O reajuste leva em consideração o valor oficializado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) no início do ano.

Emanuel também reajustou o valor de alguns benefícios. A decisão foi publicada na primeira edição do Diário Oficial de Contas (DOC) de sexta-feira (11) e tem efeitos retroativos a 1º de janeiro.

O salário mínimo dos servidores, em respeito ao determinado pelo presidente, foi oficializado no valor de R$ 998,00, mesmo valor do nacional. A diária foi fixada no valor de R$ 33,27 e a hora em R$ 4,54.

O decreto também fixa que a aposentadoria, auxílio-doença, salário-maternidade, auxílio-reclusão e pensão por morte, pagos pelo Cuiabá Prev, não podem ter seus valores menores que R$ 998,00. Emanuel também reajustou o valor da cota por filho do salário-família.

A partir de agora, aqueles beneficiários cujo vencimentos não ultrapassam R$ 907,77, a cota ficou estipulada em R$ 46,54. Já os beneficiários cujos vencimentos orbitam entre R$ 907,78 e R$ 1.364,43, a cota passa a vigorar no valor de R$ 32,80.

Os benefícios mantidos pelo Cuiabá-Prev, concedidos até janeiro de 2018, foram reajustados em 3,43%. O índice tem como embasamento a perda inflacionária registrada nos últimos 12 meses.

Já os benefícios concedidos entre fevereiro e dezembro do ano passado foram reajustados de acordo com a perda inflacionária registrada no período entre a concessão e dezembro.

 

Veja a lista:

Benefício concedido em fevereiro/2018 – 3,20% de reajuste

Benefício concedido em março/2018 – 3,01% de reajuste

Benefício concedido em abril/2018 – 2,94% de reajuste

Benefício concedido em maio/2018 – 2,72% de reajuste

Benefício concedido em junho/2018 – 2,28% de reajuste

Benefício concedido em julho/2018 – 0,84% de reajuste

Benefício concedido em agosto/2018 – 0,59% de reajuste

Benefício concedido em setembro/2018 – 0,59% de reajuste

Benefício concedido em outubro/2018 – 0,29% de reajuste

Benefício concedido em novembro/2018 – 0,00% de reajuste

Benefício concedido em dezembro/2018 – 0,14% de reajuste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *