Delator cita ex-prefeitos de Cuiabá

 

Da REDAÇÃO

 

O índice de insônia no meio político aumentou depois do depoimento de Luiz Carlos Cuzziol, ex-BicBanco, ontem (12). As revelações de Cuzziol mexem com o mundo político do Estado.

Além de gestões no Palácio Paiaguás, os supostos esquemas de lavagem de dinheiro, segundo ele, atingiriam, em cheio, pelo menos, três administrações em Cuiabá. No meio jurídico, a leitura é a seguinte: as quase quatro horas de depoimento de Cuzziol, ontem, podem levar à deflagração de novas fases da Operação Ararath. A ação MPF-PF investiga esquema de lavagem de dinheiro no Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *