DEM quer Garcia ou Botelho para comandar Cuiabá

 

Por: Larissa Malheiros

 

Os Democratas em Mato Grosso devem avaliar os nomes do presidente da Assembleia Legislativa, o deputado estadual, Eduardo Botelho e do presidente regional da sigla, o ex-deputado federal, Fábio Garcia, para representar o partido em uma possível candidatura a prefeitura de Cuiabá.

Entretanto, conforme o deputado estadual, Dilmar Dal’Bosco (DEM), a prioridade do partido atualmente é montar as diretorias provisórias, mas afirma que o nome dos dois democratas será avaliado, e assunto ainda será discutido internamente. “Nossa prioridade são as provisórias no momento, após isso que iremos discutir eleições. Mas, o nome dos dois devem ser estudado e debatido dentro do partido”, disse Dilmar.

O parlamentar também explica que existe um trabalho para viabilizar uma candidatura própria do DEM na capital, mas reforça que é algo que precisa ser decidido entre todos os democratas e ainda é cedo para levantar polêmica que envolva futuras candidaturas.

Mesmo sendo apontando como um possível candidato, Garcia usou as redes sociais neste domingo (15), para descartar que existe o sonho de ser candidato a prefeito de Cuiabá, e destacou que não está articulando nada neste sentido. “Quero somente deixar aqui registrado que não há nenhuma verdade nesta notícia”, diz Garcia.

Por outro lado, Botelho se mostrou animado com a possibilidade de disputar a prefeitura da capital. Mas, lembrou que pode também ser o sucessor da prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos. “Poder ser Várzea Grande, pode ser Cuiabá, mas é uma questão que vamos discutir ainda. É uma discussão que eu não estou correndo atrás. Se meu nome for colocado como possível para ajudar uma das duas cidades, eu estarei pronto’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *